Novos Artigos
Loading...

Estrela de Reality Show Condenada Por Roubo

VÍDEO DO DIA
"PARÓDIA REDUBLAGEM DO DEADPOOL - EXCELENTE"



Alexis Neiers, 18 anos, participante do reality show "Pretty Wild" do canal E!, e filha de Rachel Lee, ex-coelhinha da Playboy, confessou ter participado de um assalto na casa do ator Orlando Bloom onde foram roubadas relógios e obras de arte no valor de £ 455,000 (R$ 1.214.000,00).
Outros membros do grupo, denominado de "Bling Ring", Nicholas Prugo, 19 anos, Rachel Lee, 19 anos, Diana   Tamayo, 20 anos, e Courtney Ames, 19 anos, estão esperando julgamento. Sobre esses pesa a acusação de 11 meses de arrombamentos nas casas de celebridades   incluindo Bloom, Paris Hilton, Megan Fox e Lindsay Lohan. Outras vítimas   incluídos Ashley Tisdale, que atuou nos filmes High School Musical,  Rachel Bilson E.U. da série The OC e Audrina Patridge da reality show The Hills.



Todas as casas foram roubadas na isolada Hollywood Hills, em Los Angeles. A polícia apreendeu dezenas de anéis de diamante, sapatos de grife, Louis Vuitton e Chanel, e peças de joalheria da casa dos suspeitos.
De acordo com os detetives, a quadrilha foi motivada por adoração às celebridades e um desejo de viver como seus ídolos. Segundo a policia, eles planejavam os roubos pesquisando em revistas de celebridades e fotografias de paparazzi para identificar quais os itens que queriam roubar. Para localizar as casas das vitimas, usavam mapas da Internet, que marcam as residencias dos famosos de Hollywood.
Os detetives acreditam que eles também pesquisavam na internet sobre os horários das estrelas, incluindo estreias de filmes, para estabelecer quando eles estariam fora. Na casa de Paris Hilton eles encontraram uma chave escondida perto da porta e voltaram a sua casa mais de cinco vezes, acabando por roubar £ 1.200.000 (R$ 3.150.000,00) no valor de seus pertences.



Detetives apreenderam um laptop, com fotografias incriminatórias dasvitimas usando os itens que seriam  roubados, incluindo Lidsay Lohan com o relógio Rolex azul. A quadrilha, acredita-se que compilou um banco de dados de mais de 50 alvos.
Quando ela foi presa Neiers já havia filmado o episódio piloto para um reality show chamado Pretty Wild.
Ela apareceu no tribunal de Los Angeles vestindo um blazer preto, calças de brim e sapatos brancos. Ela foi condenadan a seis meses de prisão e 3 anos de liberdade condicional. Neiers começara a cumprir sua sentença em 24 de junho.
A sentença é resultado de um acordo judicial em que ela se abstém de contestar as acusações para que o caso não seja levado até o final. Caso isso ocorresse, Bloom deveria depor contra ela.
Seu advogado Jeffery K Rubenstein disse: "Nós decidimos que era o melhor para Alexis, ela assumir a responsabilidade por seu pequeno papel neste incidente."
Neiers alegou que estava bêbada quando ela foi à casa de Bloom e não pegou nada durante o furto. Mas a polícia encontrou algumas peças roubadas no quarto de sua irmã mais nova.
VISITE NOSSO MELHOR PARCEIRO